logo casio

Dias “Ensinar com tecnologia”

Dias “Ensinar com tecnologia”

Os dias temáticos são uma iniciativa do Grupo de trabalho Casio+ da Associação de Professores de Matemática, com o apoio da Casio Portugal.
Este ano refletiremos sobre o tema “Ensinar com Tecnologia”
Pretendemos proporcionar uma utilização da tecnologia Casio tanto a nível básico como avançado na área da Matemática e das Ciências Físico-Químicas.

Tire uma manhã para refletir sobre as vantagens da utilização da tecnologia na sala de aula,
juntando-se a nós.


DATA DO ENCONTROLOCALESCOLA
27 Outubro 2018 Vila Real Escola Secundária Camilo Castelo Branco
24 Novembro 2018 Beja Escola Secundária D. Manuel I
5 Janeiro 2019 Lisboa / Amadora Escola Secundária Seomara da Costa Primo - Amadora
16 Fevereiro 2019 Porto Escola Básica 2+3 Secundária Clara de Resende

Programa

8h15 • Recepção
8h30-8h45 • Sessão de abertura
8h45-11h00 • Sessões plenárias

Sessão plenária 1

“As calculadoras gráficas nas aulas e nos exames no Canadá” Jaime Carvalho e Silva - Departamento de Matemática da Universidade de Coimbra.

Sessão plenária 2

“Atividades de modelação matemática numa perspetiva de integração de STEM: competências na área do saber científico, técnico e tecnológico”, Susana Carreira - Universidade do Algarve & UIDEF, Instituto de Educação, Universidade de Lisboa.

11h00-11h15 • Intervalo
11h15-13h45 • Sessões Prática (SP1, SP2, SP3, SP4)
13h45 • Encerramento

Nota: para as sessões práticas serão fornecidas calculadoras e sensores

> Inscreva-se aqui <

Conferência Plenária

Conferência 1

As calculadoras gráficas nas aulas e nos exames no Canadá, Jaime Carvalho e Silva, Universidade de Coimbra, Casio+
O Canadá é um dos países mais bem classificados no estudo PISA (10º lugar em 2015, sem diferença estatisticamente significativa com a Coreia, Finlândia, Holanda ou Dinamarca) e também o país onde mais se utiliza tecnologia na sala de aula. Estudaremos alguns detalhes dos programas, manuais escolares e exames de alguns estados do Canadá, tentando perceber qual o uso que fazem da tecnologia, em particular das calculadoras gráficas.

Conferência 2

Atividades de modelação matemática numa perspetiva de integração de STEM: competências na área do saber científico, técnico e tecnológico, Susana Carreira Universidade do Algarve & UIDEF, Instituto de Educação, Universidade de Lisboa.
O processo de modelação matemática constitui uma abordagem a problemas reais, do mundo e da sociedade, caraterizada por um duplo movimento: do mundo real para a matemática e da matemática para o mundo real. Recentemente, as atividades de modelação matemática têm vindo a ser olhadas como oportunidades para a integração de STEM (acrónimo de Science, Technology, Engineering, and Mathematics). Têm surgido movimentos e recomendações internacionais neste sentido, que sugerem ideias e situações de ensino onde se colocam problemas típicos da engenharia que visam encontrar uma solução prática para um problema ou construir um protótipo. Os ambientes de caráter experimental em que os alunos são chamados a trabalhar em atividades práticas e a construir soluções que envolvem pensamento e conhecimento matemático são hoje de enorme importância. Permitem que os alunos compreendam processos e fenómenos científicos e tecnológicos, coloquem questões, procurem informação e apliquem conhecimentos para a tomada de decisões informadas, como se estabelece no perfil do aluno no final da sua formação escolar.
Com estes pressupostos em mente, serão apresentados e discutidos propostas e situações para a aula de matemática, numa perspetiva de integração de STEM, cujo denominador comum consiste na obtenção de um protótipo para a resolução de um problema do mundo real, a partir da experimentação num contexto de trabalho prático.

SP1- VIAGEM PELA MATEMÁTICA A COM A CALCULADORA GRÁFICA

Convidamo-lo para uma viagem pela Matemática A visitando a Geometria, Funções e Estatística, bem instalado na calculadora gráfica Casio. O combustível será um diversificado leque de tarefas para a sala de aula!

SP2 – VIAGEM PELA MACS COM A CALCULADORA GRÁFICA

Nas Aprendizagens Essenciais de Matemática Aplicada às Ciências Sociais (MACS), é referido que devem ser criadas condições de aprendizagem para que os alunos, em experiências individuais e colaborativas, tenham oportunidade de tirar partido da utilização da tecnologia, nomeadamente para experimentar, investigar, comunicar, implementar algoritmos, utilizar dados estatísticos de fontes primárias e secundárias, construir e interpretar diferentes representações gráficas.
A calculadora gráfica, pelas suas capacidades de tratamento de dados, é a ferramenta ideal no estudo de Métodos de apoio à decisão, Estatística e Probabilidades e Modelos Matemáticos. Este recurso tecnológico permite minimizar cálculos repetitivos e promover a visualização gráfica, tornando a aprendizagem mais atrativa.
Nesta sessão serão apresentadas atividades práticas que possam ser usadas em sala de aula, com recurso à calculadora gráfica CASIO CG-20/50, para lecionar os temas da disciplina de MACS.

SP3 – VIAGEM PELA MATEMÁTICA COM A CALCULADORA CIENTÍFICA

A dinâmica da sala de aula pode mudar totalmente com o uso de uma tecnologia tão básica como a das calculadoras científicas da CASIO designadas por CLASSWIZ, pois pertencem a uma nova geração de calculadoras que oferece ainda mais funcionalidades. Iremos explorar a possibilidade de criar gráficos colaborativos na internet (gráfico circular, gráfico de barras, diagrama de extremos e quartis, representação gráfica de uma função, etc.), que podem beneficiar dos dados obtidos por cada uma das calculadoras da sala de atual. Os gráficos podem ser visualizados num tablet ou num smartphone, através do uso de um código QR gerado pela calculadora, que é facilmente lido por esses aparelhos.

SP4 – VIAGEM PELA FÍSICA E QUÍMICA A COM A CALCULADORA GRÁFICA E SENSORES

A calculadora gráfica e sensores são fundamentais para o trabalho laboratorial da disciplina de Física e Química A. O documento das aprendizagens essências faz essa referência “os alunos devem ser incentivados a trabalhar em grupo, designadamente na realização das atividades laboratoriais”. Este incentivo pode ser feito com o uso do material disponível na escola, com a utilização de calculadoras e sensores. Vamos realizar algumas AL que constam do conteúdo programático desta disciplina.

Utilização de cookies : Durante a navegação, cookies serão instalados para facilitar a navegação, partilhar conteúdo e rastrear as estatísticas sobre o uso do site. Se continuar a navegar, entenderemos que aceita a utilização de cookies. Mais informação.

Aceitar  Recusar